Tiago Monteiro

A história mais engraçada que tenho relacionada com futebol passou-se no Mundial de 1998. A final foi França-Brasil e eu estava em França, no Paul Ricard, em casa de uns amigos que viviam lá, nesse fim-de-semana estávamos a correr em Fórmula 3, e claro que estavam todos os franceses contra mim. E era mais porque não queria torcer pela França, queria ser do contra, e porque era o Brasil e a minha mãe é brasileira.
Tinha a camisola do Brasil vestida e estavam uns 30 franceses e eu. Foi muito engraçado. Infelizmente o Brasil perdeu e isso foi duro. Não sou propriamente apaixonado por futebol mas naquele dia vesti a camisola naquela de ir contra os outros todos e apanhei uma tareia! Vi a frustração que os adeptos de futebol sentem porque realmente vibra-se a sério nesses jogos importantes.
Foi uma noite muito engraçada, com muitas piadas e bocas, numa casa fantástica no sul de França, com um bom vinho rosé. Estavam ali todos os elementos perfeitos para uma grande noite, só o Brasil é que me falhou.


Primeiro português a subir a um pódio na Fórmula 1, está desde 2007 no WTCC, agora denominado WTCR, onde é piloto oficial da Honda. Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Deixe um comentário