Arquivos de Tags: sheu

Shéu

Quando tinha 18 anos fui convocado pela primeira vez para acompanhar a equipa principal do Benfica. Partíamos numa segunda-feira e nesse mesmo dia tinha a inspecção militar. Perante uma situação destas, o que é que uma pessoa faz? Tinha a inspecção militar, que era uma coisa importante, e estava convocado, que era ainda mais importante. Eu próprio decidi faltar à inspecção militar e fui com Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Relvado

Jorge Amaral

Numa viagem de comboio para Lisboa antes de um Sporting-FC Porto, antigamente fazíamos assim o caminho para baixo, estávamos quase a chegar e o senhor José Maria Pedroto chamou-me: “De certeza que amanhã vai haver um penalty e vai ser o Jordão a marcar. Tens de resistir a voar porque ele marca muito bem para qualquer um dos lados.” Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Nuno Calado

Houve uma altura em que o Benfica B jogava em Odivelas, era ali que fazia os jogos em casa quando ainda não tinha o centro de estágio, quando estava tudo assim meio caótico. Sou amigo do Porfírio, isto foi quando ele passou pela equipa B do Benfica, ali por volta de 2003, e tinha combinado com ele ir ver um jogo mas cheguei atrasado, já estava a acabar a primeira parte. E estava à espera de o ver já Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Bancada

Rui Gomes da Silva

PORTO–BENFICA (0-0), 27 DE MARÇO DE 1983. Nasci – como é público, nesta fase de mediatização aguda da minha existência – no Porto, de onde, depois de sete anos no Liceu de Alexandre Herculano, parti, aos dezoito anos, para Lisboa, para frequentar a Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Desde então, o que era conseguido com programas de fins-de-semana ou de períodos de Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Bancada

Álvaro Costa

Nos anos 70, o Avenida de Vila do Conde, casa do Rio Ave de então, que ficava paredes meias com a minha, era uma espécie de micro Monumental de Núñez. Um misto de lota espiritual, jaula piscatória e templo Hindu. Na curva do desespero, bancada colocada junto à baliza sul, juntava-se uma fauna que em muitos aspectos poderia ter sido parte do universo mágico-argentino de Cortázar ou Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Bancada