Arquivos de Tags: benfica

Manuel Alegre

Os primeiros jogos que vi foram na minha terra, do Recreio de Águeda, mas o primeiro jogo importante que vi foi um Académica-Benfica, ainda no Campo de Santa Cruz, nos anos 40, em que houve uma cena da qual nunca mais me esqueci. A certa altura, houve uma agressão recíproca do Faustino, Coronel Faustino, que era o capitão da Académica, e do Teixeira, o marreco, que era do Benfica: Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Bancada

Shéu

Quando tinha 18 anos fui convocado pela primeira vez para acompanhar a equipa principal do Benfica. Partíamos numa segunda-feira e nesse mesmo dia tinha a inspecção militar. Perante uma situação destas, o que é que uma pessoa faz? Tinha a inspecção militar, que era uma coisa importante, e estava convocado, que era ainda mais importante. Eu próprio decidi faltar à inspecção militar e fui com Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Relvado

Mozer

Quando fui transferido para o Marselha, ao chegar lá, quando começou o campeonato, tinha um colega que era um grande jogador, o artilheiro da equipa, o Jean-Pierre Papin, e em todos os jogos que fazíamos em casa ele dizia-me que ali é que havia pressão, que o estádio ia estar lotado e todo o mundo ia pressionar. E isto acontecia antes de começar todos os jogos, mandava esta historinha para Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

7 Comments

Filed under Relvado

Fernando Seara

Eu e o saudoso Eusébio da Silva Ferreira, o King, fomos convidados para ir ao aniversário do Santa Clara, em Ponta Delgada. Fomos de avião e o nosso Eusébio começou a contar peripécias da sua vida de jogador, de goleador, de grande avançado do Benfica e da Selecção. E relatou pela primeira vez, segundo ele disse, todas as peripécias do Portugal-Coreia do Norte, do Mundial de ’66. Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Geovanni

A situação mais diferente que vivi no Benfica foi à chegada. Já conhecia o clube e quando cheguei dei uma entrevista e falei que ia ser campeão no Benfica. E algumas pessoas falaram:
– Ó Geovanni, você sabe o que é que você falou? Você falou que ia ser campeão no Benfica mas tem dez anos que o Benfica não vence. Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

2 Comments

Filed under Relvado

Lara Afonso

Uma vez, era eu miúda, passei pelo Mozer em Cascais, ainda ele jogava no Benfica, e achei por bem cumprimentá-lo. Falámos um bocado, conversa de circunstância, dissemos adeus e cada um seguiu para seu lado. Como estava com o meu irmão, comento de imediato com ele o que tinha acabado de acontecer e digo isto: Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

João Vieira Pinto

Esta situação passou-se com o falecido Jorge de Brito, presidente do Benfica, em que estive toda a noite a falar com ele e com o major Valentim Loureiro, numa altura em que estava no Boavista. Foi quando cheguei a acordo com o Benfica para ir para lá, e estive praticamente uma noite sem dormir. Eu e o major queríamos tratar da transferência e não havia maneira do presidente do Benfica puxar o Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Nuno Dias

Considero-me de tal modo um verdadeiro apaixonado por futebol, que no momento em comecei a escrever este texto já tinha visto excertos do Inter-Cagliari, Athletic-Real Sociedad, Southampton-Burnley, Wolfsburg-Leipzig e agora estou a ver o Gijón-Valência. Acabei por ver ainda o Villarreal-Celta, o Chievo-Milan e a Académica a tombar o Belenenses na Taça de Portugal. Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Rui Cruz

Sou do Benfica. Num texto sobre futebol, convém deixar as convicções claras desde o primeiro momento e as minhas são estas: o Benfica é o melhor clube do Mundo, o que tem o equipamento mais bonito, os melhores jogadores, o melhor estádio, os melhores adeptos, o melhor relvado, as melhores bifanas e até a cerveja sem álcool que se vende dentro do estádio nos dias de jogo é melhor Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Bancada

George Jardel

Fiz a minha formação no Vasco da Gama, desde os infantis até aos seniores, e quando cheguei a Portugal senti o impacto de ser irmão do Jardel. Ele já tinha um nome muito forte e comecei a ouvir aquelas coisas: “se calhar joga porque é irmão do Jardel.” Mas quem me conhecia sabia como é que eu era, o meu valor. O Ronaldinho quando começou tinha o mesmo com o Assis, depois com o tempo Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Relvado

Nuno Madureira

Não abundam os registos, mas o auge da minha carreira de peladeiro aconteceu em meados da década de 90. Nesse tempo, eu integrava uma lendária ala esquerda da equipa do jornal «A Bola» que, se a memória não me falha – o que é uma forte possibilidade, admito – permaneceu invicta durante 29 partidas consecutivas. Tantas como a mágica Hungria de 1954, mas com um futebol muito mais Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Fernando Mendes

Quando estava no Benfica, ainda com o Eriksson como treinador, fomos até ao Canadá numa digressão de final de época. Ficámos lá uns 15 dias e tínhamos jogos agendados com o AC Milan, Marítimo, mais umas equipas. Nestas digressões, depois dos jogos podíamos sair à noite e fazer o que quiséssemos. Como não contava para o Totobola, tínhamos muita liberdade. Não a 100%, Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

3 Comments

Filed under Relvado

José Fonte

Depois de ter jogado no V. Setúbal, que foi quando me estreei na I Liga pela mão do treinador Luís Norton de Matos, recebi algumas propostas. Estava em Liège para assinar pelo Standard, com o Michel Preud’homme e o Luciano D’Onofrio, já com o contrato à frente, quando recebi uma chamada do presidente Luís Filipe Vieira, que me perguntou: Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Relvado

Luís Mateus

Adoro estádios vazios. Os velhos, não os de agora, todos xpto. Demasiado bonitinhos. Arrumadinhos. Pintadinhos. Onde não falta uma cadeira. Parecem nunca ter perdido o cheiro e o Pintado de Fresco que o acompanha. Gosto mais dos velhos. Do betão enrugado, cru, ou comido por cores esbatidas, que perderam a consciência das próprias fronteiras e se misturam diabólicas para quem, como eu, já Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Nelson Rosado

Há muitos anos fui federado em futebol de 11 no Amora. Fui até ao segundo ano de iniciado, era extremo direito. Joguei algumas vezes também a lateral direito, tudo o que era corredor direito era comigo. Era um miúdo que gostava muito de correr, eles diziam que eu tinha velocidade. Foram tempos engraçados, na altura morava no Laranjeiro, perto de Almada, e o clube pagava-me o passe Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Pedro Boucherie Mendes

Gosto de futebol limpo, sem casos, bem jogado. Detesto a ideia de ganhar no último minuto com um golo com a mão. Não sou nem santo nem a melhor pessoa do mundo, mas tenho um problema com fanatismo e intolerância (que não é mesma coisa que fanatismo como estratégia de persuasão) e com a violação das regras aceites pelas duas partes. No nosso país não gostamos de futebol, mas sim que Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

2 Comments

Filed under Bancada

Pedro Vieira

Esta história passa-se na altura do Mundial de juniores de 1991, que foi mais ou menos por esta altura do ano, se não me engano. Tinha 15 anos e suponho que a escola já tivessse acabado ou que estivesse perto do fim, porque estava numa manhã folgada com malta do meu bairro. Ouvíamos muito a rádio Cidade, creio que nessa altura já não era pirata, era também uma fonte de música, e de repente Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Germano Campos

Há uns anos, durante um estágio da Selecção Nacional, ainda no Hotel Amazónia, em Oeiras, hoje é na Cidade do Futebol, eu, devido às relações de amizade com o Nuno Gomes, na altura capitão do Benfica, combinei com ele uma entrevista. Disse-lhe:
– Olha Nuno, se não te importas, qual é a melhor hora para ir ter contigo ao hotel para falarmos? Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Guilherme Cabral

Há uns meses fui ver o Benfica-Galatasaray com um colega meu. Nessa altura já não me convinha ir sozinho aos jogos, tinha de andar sempre acompanhado por estar a ser seguido no cardiologista devido a uns pequenos problemas de saúde. Também já tinha tomado um calmante e sempre que tomo essas porcarias não convém conduzir, como é óbvio. Então o Edhy levou o carro. Ele saiu Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

4 Comments

Filed under Bancada

Jorge Amaral

Numa viagem de comboio para Lisboa antes de um Sporting-FC Porto, antigamente fazíamos assim o caminho para baixo, estávamos quase a chegar e o senhor José Maria Pedroto chamou-me: “De certeza que amanhã vai haver um penalty e vai ser o Jordão a marcar. Tens de resistir a voar porque ele marca muito bem para qualquer um dos lados.” Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado