Arquivos de Tags: benfica

Odair

No ano em que fiz dez golos pelo Braga no campeonato, quando fomos jogar contra o Benfica, na Luz, estávamos a perder 1-0 e o Artur Jorge filho, que hoje joga no Braga, na altura era miúdo, devia ter uns cinco anos, entrou na sala e perguntou o resultado à mãe, a mulher do Artur Jorge, meu colega de equipa. A mãe respondeu que o Braga estava a perder 1-0 e ele disse: “não há problema, daqui a Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Pedro Paulos

Eu sou de Benfica desde pequenino. Eu sei, sei que a maior parte das pessoas que têm um clube nunca mudaram. É quase tabu a mudança de clube. Até há aquela frase que diz que uma pessoa pode mudar de uma porradona de coisas mas que mudar de clube está completamente fora de questão. Eu não tenho certeza em relação a esse assunto mas para mim sempre fez sentido ser do Benfica. Como Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Paulo de Carvalho

Quando eu andava a brincar, para mim a brincar, nas camadas infantis do Benfica, andei por lá, nós treinávamos muitas vezes contra os mais crescidos. Quando eles se magoavam vinham treinar com os miúdos até para que nós os conhecêssemos melhor e tal. E havia um desses jogadores da primeira categoria do Benfica, o Humberto Fernandes, um dos suplentes do Humberto Coelho e desse pessoal, Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Bancada

Cássio

Quando joguei no Arouca foi no primeiro ano do clube na I Liga. Nós jogávamos bem mas não conseguíamos vencer, então estávamos numa série de sete ou oito jogos sem vitórias no campeonato. No início de Dezembro jogámos contra o Marítimo e se calhar foi o nosso melhor jogo em casa, mas acabámos por perder 2-1. Acabou o jogo, o presidente deu-nos os parabéns pela boa Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Relvado

Júlio Machado Vaz

Meu Pai era portista e sócio. Jogara nos infantis e era detentor de um pé esquerdo temível, mas os centímetros tinham-lhe virado as costas e o treinador decretara-o incapaz de suportar os choques (quem sabe se não perdemos um precursor do Chalana vestido de azul e branco?). Entalado por sogra, mulher e filho vermelhos – com que prazer utilizo palavra então suspeita… – aceitava o seu estatuto Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Pedro Barny

Uma das que me recordo que fazíamos sempre, no Boavista normalmente até era o Nelo que fazia, era esconder-se dentro do quarto de alguém, debaixo da cama ou no armário, com o comando da televisão, com outro que não aquele que estava disponibilizado no quarto, e esperar que os colegas chegassem para depois ir alterando os canais e o volume da televisão. Isso deu situações muito Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

2 Comments

Filed under Relvado

Luís Represas

Se “filho de peixe sabe nadar” fosse uma verdade incontestada, na nossa família teriam morrido “afogados” os três filhos postos no mundo pelos meus Pais. Amante de futebol, sócio 10958 do SLB, o meu Pai era daqueles que via o jogo na televisão depois de lhe desligar o som, seguindo atentamente o match pela Emissora Nacional. O relato radiofónico entregava-lhe na comodidade da casa a agitação Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Tiago Pereira

No ano em que joguei no Benfica tive como colega o Amaral, o coveiro, que era uma pessoa muito engraçada, uma figurinha mesmo. Houve um dia, no Verão, em que o Amaral levou umas bermudas vestidas. O normal no nosso dia-a-dia era aparecerem inúmeras coisas para os jogadores autografarem para os adeptos. Não me lembro quem foi, mas um jogador pegou nos calções do Amaral e juntou ao Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Nelson Nunes

Nunca fui lá muito convencional no gosto pelo futebol. As memórias aparecem-me à frente como se fossem fragmentos de um álbum de fotografias rasgado em pedaços. Devo ter despertado para a arte de dar pontapés certeiros numa bola aí pelos meus seis ou sete anos, com as partidas a que o meu padrasto assistia com afinco. Via-o sempre torcer pelos clubes mais fracos – menos quando jogava o Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

3 Comments

Filed under Bancada

Marcelo

Tenho uma história, que na altura não achei graça nenhuma, um pouco caricata. Em 1992, tinha feito uma época muito boa no Feirense, emprestado pela Académica. O treinador era o Henrique Nunes, tinha lá o Pedro Martins, o Rifa, o Pedro Miguel, que agora também é treinador… Tínhamos uma boa equipa, uma equipa jovem, fizemos uma boa temporada e fui um dos melhores marcadores da II Liga. Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Daniel Leitão

Cresci (e bastante) numa casa onde a única pessoa que ligava a futebol era o meu pai, um fervoroso sportinguista. Sempre tentou demover-me do meu benfiquismo e converter-me a essa religião com gente tão devota que é o sportinguismo. Uma espécie de carmelitas descalças do futebol: fizeram um voto de pobreza e levam-no até às últimas consequências. Não ganham nada mas têm um admirável Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Gil

Esta história é sobre o troféu que o Rui Costa tem na galeria e que metade é meu! Fomos a um torneio em Espanha com o Benfica, que ganhámos, e na atribuição dos troféus acabámos empatados com o mesmo número de golos, então a organização decidiu chamar-nos e entregou apenas um troféu. Eu e o Rui Costa olhámos um para o outro e decidimos descer as escadas do estádio e oferecer o troféu ao Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Chakall

O Maradona ainda jogava, tinha voltado ao Boca Juniors, foi entre 1995 e 96. Eu era crítico de música, também sou jornalista de formação, e na altura quando vinham bandas à Argentina, como era muito amigo de label managers das companhias discográficas e já tinha ligação com a comida, conhecia bons restaurantes, então era convidado a fazer de cicerone. Estive com o Jimmy Page e o Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

João Tomás

Nos meus tempos no Benfica ficava sempre no quarto com o Bossio e havia uma pessoa que ia aos quartos ver se estava tudo bem. E antigamente quando tiravas o cartão, aquela chave plástica, a luz apagava-se logo. Era a televisão e as luzes, desligava-se tudo. Agora nem sempre é assim, já estive em hotéis em que às vezes demora para aí um minuto. Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Relvado

Slimmy

A minha história relacionada com futebol começa muito cedo, vem do divórcio dos meus pais quando tinha cinco anos. Somos três irmãos, três pilas, o nosso programa de fim-de-semana era irmos às Antas. Mesmo com os meus pais divorciados, almoçávamos juntos, isto na altura em que os jogos começavam às 15h00, depois a minha mãe ia com os meus irmãos para a bancada, eu ia para os Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

2 Comments

Filed under Bancada

António-Pedro Vasconcelos

O primeiro jogo de futebol que vi na minha vida ficou-me gravado como uma das memórias mais vivas da minha infância. Eu ainda não tinha feito oito anos e vivia em Coimbra, para onde o meu pai, juiz, tinha sido destacado um ano antes. Um amigo dele, um tipo mundano que tinha o famoso Citroën do tempo da guerra, trouxe-nos a Lisboa para ver o Portugal-Espanha, que a “equipa das quinas”, como se Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada

Guilherme Fonseca

Para ser completamente honesto, o que estou a fazer aqui é batota. A história que vos vou contar é tanto minha como do Fernando Alvim e aposto que ele nem sabe que é personagem secundário nisto. Mas aqui vai.
Cresci ao pé do estádio do Benfica. É por essa razão – e só essa – que sou do Benfica. É pouco Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

2 Comments

Filed under Bancada

Veloso

No Benfica tínhamos um jogador com a mania que era o Michael Jackson. Esse jogador era o Neno e todos os dias, antes do treino, nós tínhamos sempre um show dado por ele. Já tinha a cor do Michael Jackson, um bocadinho mais escuro, o cabelo também, e então como ele usava sempre umas calças justas pretas para treino, enfiava depois por cima umas cuecas brancas, punha uma fita à volta da Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

José Rachão

Há duas histórias que se passaram comigo no Académico de Viseu, uma como jogador e outra como treinador, que acho que são bastante giras. A primeira como jogador. Estávamos a disputar o campeonato, na altura na I Divisão, e substituíram o treinador. Veio um argentino, até recomendado pelo Di Stéfano, chamado Gustavo Silva. Uma das coisas que ele fez logo foi colocar os jogadores a Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

3 Comments

Filed under Relvado

Joaquim de Almeida

Fiz-me sócio do Benfica quando era miúdo. Lembro-me sempre do meu número de sócio, era o 64856. Já me disseram que se pagasse as quotas todas em atraso ficava com o número dois mil e tal. Ia sempre para o terceiro anel com uns amigos que viviam aqui à minha frente e às vezes também com os meus primos. Nessa altura tinha seis ou sete anos, estamos a falar por volta de 1963, e era o Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Bancada