Arquivos de Tags: balneario

Ukra

Quando cheguei à Arábia, antes de arranjar casa meteram-me num hotel Lilly. Na primeira noite tudo bem, no segundo dia também tudo bem. Os nossos treinos eram tarde, às 20h30 ou 21h. O treinador era o Sá Pinto, fui para lá através dele. Saía do quarto, acho que foi no meu terceiro dia lá, deixava o ar condicionado ligado para estar sempre fresco, mas nesse dia entro no quarto e estava um calor Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

2 Comments

Filed under Relvado

Diogo Valente

No ano em que fui do Boavista para o FC Porto, em 2006/07, encontrei grandes jogadores. Alguns já conhecia da Selecção, como o Raul Meireles, o Bosingwa e o Quaresma, e tive grandes nomes como colegas. Fui muito bem recebido por todos, pelos capitães, na altura o Vítor Baía, o Pedro Emanuel, o Lucho também já era capitão, e, como é natural, durante os treinos e os estágios vamos criando uma Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

2 Comments

Filed under Relvado

Ricardo Costa

Houve momentos no meu último ano no Valência em que foi muito difícil. No primeiro jogo na Liga Europa, com o Swansea em casa, o Rami foi expulso aos dez minutos e, de um momento para o outro, 1-0, 2-0, 3-0, os adeptos sempre a assobiar e já pensava “quando isto acabar vai haver uma confusão dos diabos.” Mal acabou o jogo, que perdemos 3-0, levámos com very-lights dentro do balneário, Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Mozer

Quando fui transferido para o Marselha, ao chegar lá, quando começou o campeonato, tinha um colega que era um grande jogador, o artilheiro da equipa, o Jean-Pierre Papin, e em todos os jogos que fazíamos em casa ele dizia-me que ali é que havia pressão, que o estádio ia estar lotado e todo o mundo ia pressionar. E isto acontecia antes de começar todos os jogos, mandava esta historinha para Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

7 Comments

Filed under Relvado

Bruno Baltazar

Lembro-me de uma história de quando jogava no Odivelas. Foi num jogo da Taça de Portugal da época 2001/02, o sorteio ditou um Feirense-Odivelas. O nosso treinador era o Daúto Faquirá, com quem trabalhei seis anos. Fomos de estágio para o norte, um dia antes, e ficámos na zona de Ovar.
No domingo, dia do jogo, acordámos à hora que tinha de ser para tomarmos o pequeno-almoço, a Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

4 Comments

Filed under Relvado