Nicolau Breyner

Uma vez, durante os anos oitenta, andava em tournée e cheguei ao Porto. Encontrei o Humberto Coelho, que me disse: “Estou a treinar o Salgueiros. Tens de ser sócio do Salgueiros.”
Então fiquei sócio do Salgueiros e continuei a ser salgueirista durante uns anos, apesar de não ter nenhuma ligação em especial ao clube, com todo o respeito que tenho pelo Salgueiros.
Eles iam enviando as quotas e eu pagava-as. Pelo menos sempre era encarnado…


De Vila Faia a Morangos com Açúcar, uma carreira tão extensa que parece difícil pensar num projecto em que não tenha entrado. A qualidade garante-o em qualquer lista de grandes actores portugueses.

Esta é uma das 20 histórias inéditas, num total de 100 presentes no livro “Relato – Histórias de Futebol”, que pode ser adquirido em todas as boas livrarias ou encomendado aqui.

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Deixe um comentário