Mário Jardel

Champions League, 2000/2001. Perdíamos 2-0 na primeira mão dos quartos-de-final, jogava pelo Galatasaray contra o poderoso Real Madrid. Na palestra do intervalo, com a derrota, o treinador Lucescu comunicou que ia substituir-me. Hagi, o capitão de equipa, prontamente saltou e disse: “Jardel não sai!! Sai qualquer um, menos o Mário!”
Resultado: marquei o golo da vitória. O placar terminou então Galatasaray-3 Real Madrid-2. Hagi acertou!


Depois de muitos golos no Vasco e no Grémio, chegou a Portugal e continuou a marcar, conquistando uma Bota de Ouro europeia pelo FC Porto e outra no Sporting, com 36 e 42 golos só no campeonato.

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Deixe um comentário