Manuel Fernandes

Num jogo na Madeira, com o Marítimo, Noémio, jogador dos madeirenses, teve uma entrada violenta sobre o Ademar. Como capitão, fui pedir satisfações ao jogador, dizendo-lhe que devia fazer isso era em Alvalade, o qual me respondeu ainda com mais agressividade, afirmando: “dou-te aqui, dou-te em Alvalade e se for preciso vou a tua casa e dou-te mais!”.
Esta é uma história verdadeira e que nunca esqueci.


Nas doze épocas em que jogou de leão ao peito marcou 260 golos, que o tornam o segundo melhor marcador da história do clube, apenas atrás dos 526 de Fernando Peyroteo.

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Deixe um comentário