Arquivo da categoria: Relvado

Mónica Jorge

Quando era Selecionadora Nacional, durante a Algarve Cup, a TVI fez umas reportagens muito engraçadas sobre o futebol feminino para o Mais Futebol, na altura um programa “inédito” na TV à volta do futebol. E pediram-me para usar um microfone de lapela durante um jogo, para se captar toda aquela emoção. Era um jogo contra a Finlândia, lembro-me que nesse jogo a Carla Couto marcou um Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Pedro Tiba

Quando estava no SC Braga, na véspera de um jogo contra o Belenenses, para a Taça de Portugal, já estava a dormir quando me foram chamar ao quarto, à uma da manhã, porque o treinador, que era o Sérgio Conceição, queria falar comigo. Na altura até estava no quarto com o André Pinto, que agora está no Sporting, e entraram lá com todo o cuidado para não o acordarem. Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Nuno Pinto

Quando fui para a Ucrânia, acertei as coisas com o Tavriya Simferopol na pré-época e eles estavam na Turquia, em Antalya. Assinei o contrato, comecei a treinar, tudo bem, e faltava uma semana e meia para começar o campeonato. O primeiro jogo era contra o Dínamo de Kiev, jogava lá o Miguel Veloso.
Chegamos à Ucrânia e o aeroporto estava fechado, havia uma data de tropas com metralhadoras, só Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Paulo Machado

Na inauguração do Estádio do Dragão tínhamos um palco no meio do relvado e estava toda a gente à espera para ver de onde é que iam sair os jogadores. Nós estávamos todos debaixo do palco e tínhamos lá duas televisões para podermos seguir o espectáculo até que chamassem os nossos nomes. Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Joaquim Teixeira

Na minha primeira época no Leça, em 1993/94, substituí o Frasquinho, o António Frasco. Eu tinha saído do Nacional da Madeira, eles estavam em último lugar, e fui para o Leça. Chegámos ao final da primeira volta ainda no último lugar e disse ao presidente:
– Presidente, as coisas não estão a melhorar, portanto quero fazer aqui uma limpeza no balneário ou Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Renato

Estava no Estrela da Amadora, mais ou menos em 1995, e o treinador era o Fernando Santos. Na altura só havia botas pretas e eu tinha um patrocínio da Adidas, que lançou as primeiras botas de cor. As minhas eram brancas, mas mais ninguém tinha de cor. Apareci no treino com elas, cheio de estilo, vira-se o Fernando para mim, depois de me ter mirado de alto a baixo: Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

2 Comments

Filed under Relvado

Jorge Ribeiro

Tenho uma história que me aconteceu na Rússia. Fomos de estágio para Antalya, na Turquia, e estavam 40 graus. Ficámos lá a fazer a pré-época e voltámos para Moscovo porque tínhamos o primeiro jogo para a Taça da Rússia.
Entrámos no avião e quando aterrámos em Moscovo estavam 24 graus negativos! Assustei-me e disse: Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Nuno Gomes

A minha passagem pela Fiorentina teve um pouco de tudo. Os primeiros tempos foram complicados logo pela dificuldade para encontrar uma casa. Os clubes têm sempre algumas casas identificadas para alugar para os jogadores, mas não gostava de nenhuma das que via, eram sempre muito velhas, e passei os primeiros meses a viver em hotéis. Mas nem isso foi fácil. Passei por três hotéis nos Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

1 Comment

Filed under Relvado

Mário Sérgio

Quando fui para a Ucrânia foi um choque um bocadinho grande. Costumava dizer que ninguém ia para a Ucrânia, em tom de brincadeira, e quando lá cheguei realmente foi um choque. Não tem nada a ver com a nossa cultura e com a nossa realidade.
Logo à chegada ao aeroporto, entretanto depois fizeram um aeroporto novo em Donetsk, aquele foi Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

João Afonso

Este episódio aconteceu na minha primeira época no Vitória Sport Clube. Era Outubro, e nesse ano eu estava ainda a completar o Mestrado em Actividade Física, na Escola Superior de Castelo Branco. Como me faltava apenas a tese, não era presencial, estava nessa altura de volta da tese. Na véspera do jogo com o Vitória Futebol Clube, em Setúbal, deixei-me dormir porque me esqueci de colocar o Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

3 Comments

Filed under Relvado

Erivaldo

Há sempre coisas que marcam um jogador e estas marcaram-me mesmo muito. No meu último ano no Sporting de Braga B, era o Abel Ferreira o treinador, tivemos um jantar de despedida da equipa. Estávamos a despedir-nos dos treinadores e o mister Abel disse que me queria dar uma última palavra. Virou-se para mim: Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Cajú

Cheguei a Portugal com o Deco e, no início, passámos por algumas dificuldades. No nosso contrato com o Benfica tínhamos casa e carro, só que a gente não imaginava qual era e deram-nos um carocha preto. Aliás, foi o Alverca que nos deu o carro e a casa. Os únicos jogadores que tinham um carocha eram eu e o Deco. E era um carro para os dois, a gente partilhava o carocha! Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Danilo Dias

Pelo Marítimo, contra o Beira-Mar, estava a fazer um jogo excelente. Ganhámos 2-1 fora de casa, um jogo difícil, e tive uma participação influente no jogo: participei no primeiro golo e fiz um golo que foi, para mim, o mais bonito que marquei em Portugal. Chutei e a bola foi lá na gaveta!
O golo foi quase aos 70 minutos e, já perto do final do jogo, tivemos um canto. Era o batedor oficial dos Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Osama Rashid

Fiz a minha formação na Holanda e quando estava nos juniores do Feyenoord fomos campeões quando faltavam três jogos para o final do campeonato. No último jogo estava muito calor e, passados 30 minutos, o árbitro parou o jogo para termos um break para beber água.
Junto aos bancos há sempre garrafas com água ou com Isostar para os jogadores beberem mas, Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Avto

Quando estava no Gil Vicente, na II Divisão, trabalhei com o mister Álvaro Magalhães. Vivia muito os jogos, corria de um lado para o outro, não conseguia parar. Estava sempre em acção. Eu já tinha saído, estava no banco. Estávamos a ganhar um jogo, não me lembro contra quem, faltavam para aí dez minutos, e tínhamos um jogador chamado Rodney Strasser, um médio defensivo, no banco. Ele tinha Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

3 Comments

Filed under Relvado

Fredy

Quando estava em Angola, no Recreativo do Libolo, havia uma grande rivalidade com o Kabuscorp. Eram as equipas mais fortes. O Kabuscorp é uma equipa dirigida por um general angolano com ascendência congolesa. Os congoleses, e não só, também outros povos dali, dos Camarões e da Nigéria, por exemplo, odeiam os albinos. E nós tínhamos um rapaz, que fazia parte da nossa equipa, Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Nuno Abreu

Quando estava na equipa B do Benfica, o Mourinho foi-me buscar a mim, ao Geraldo e ao Diogo Luís para um jogo particular contra o Marselha. Foi na Luz, a meio da semana. Nessa altura treinávamos com a equipa principal e praticamente só íamos à equipa B para jogar. Ele gostava muito de nós, a gente dava intensidade aos treinos pela maneira como jogávamos. Ele até nos meteu a alcunha dos Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Lucas Klysman

O meu pai escolheu este nome para mim porque nasci em 1990, em junho, na altura do Mundial. Nesse ano o Brasil não chegou à final e a Alemanha tinha uma grande selecção, com o Lothar Matthäus e o Klinsmann, e ele admirava muito esse avançado.
Para ser sincero, se vi um videozinho e um golo dele foi muito! Lembro-me dele como seleccionador Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

Aziz

Ter jogado em Espinho é um grande orgulho que guardo dos anos que passei em Portugal. Uma coisa que nunca esquece na vida, que ficará para sempre no coração. Voltando atrás no tempo não me lembro de uma só história, mas de vários momentos com aquele grande e único homem que para mim foi um mestre, um pai, irmão e grande amigo. Refiro-me a Quinito. Melhor homem do mundo! Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado

José Semedo

Em Inglaterra tive um treinador no Sheffield Wednesday que era de pancadas. Era o Gary Megson, tinha sido treinador do Bolton. Foi no ano em que subimos da League One ao Championship. Só o tive nessa época, depois saiu.
Uma vez fez a equipa na sexta-feira, durante essa noite sonhou que tínhamos perdido e, na manhã Continue reading

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinmail

Leave a Comment

Filed under Relvado